IV SEMANA ACADÊMICA DO INSTITUTO DE CIÊNCIAS JURÍDICAS - INSCRIÇÕES ABERTAS

ESTE ANO, A SEMANA TERÁ POR TEMA "A CRISE INSTITUCIONAL À LUZ DA CONSTITUIÇÃO DE 88".

COPA EDSON LUÍS - EDITAL DISPONÍVEL

O EVENTO ESPORTIVO OCORRERÁ NOS DIAS 03 E 04 DE DEZEMBRO DE 2017.

CADEL TRAZ ENED 2018 PARA BELÉM

A REGIÃO NORTE RETOMA O SEU PROTAGONISMO NO MOVIMENTO ESTUDANTIL E O CADEL COLOCA-SE NOVAMENTE COMO UM CENTRO ACADÊMICO RELEVANTE NACIONALMENTE.

27 fevereiro 2014

TUDO SOBRE O QUARTO DIA DA SEMANA DO CALOURO DE DIREITO/UFPA 2014; PROGRAMAÇÃO COMPLETA DO ÚLTIMO DIA


A manhã do penúltimo dia da Semana do Calouro de Direito/UFPA 2014 (27/02) foi marcada por um dos momentos mais esperados do evento: o ciclo de oficinas de extensão, no pavilhão de aulas (Bloco J, Setor Profissional). Através de 07 (sete) opções, os novos alunos do curso de Direito tiveram a chance de conhecer a relação entre a Universidade e outros setores da Sociedade - aprendendo sobre projetos que atuam como implementadores de desenvolvimento regional e programas voltados para os interesses e necessidades da maioria da população.

“Direito na Adolescência”, oficina advinda de projeto comandado pela Profª. Márcia Rêgo, mostrou aos seus participantes como tem levado noções de Direito Civil às escolas públicas de Belém, para alunos do Ensino Médio. A ideia da ação é formar jovens cada vez mais conscientes de seus direitos e multiplicadores da cidadania.

Já a oficina “Clínica de Direito Civil-Constitucional”, fruto de projeto coordenado pela Prof.ª Dr.ª Pastora Leal, apresentou um diálogo multidisciplinar entre o Direito Civil e o Direito Constitucional - especificamente sobre temas ligados à Responsabilidade Civil. A necessidade premente de se tutelar os direitos fundamentais, em particular os direitos da personalidade, foi outro ponto ressaltado pelo grupo.

Por sua vez, a oficina proveniente de projeto coordenado pelo Profº. Drº. Luiz Otávio Pereira, “Direito no Cinema”, exibiu trechos do documentário “Justiça”, da diretora Maria Augusta Ramos - que se passa nos bastidores do Tribunal do Justiça do Rio de Janeiro. Por meio das lentes da sétima arte, a atividade propôs a discussão das temáticas do filme, possibilitando uma visão crítica da sociedade e das instituições jurídicas.

“Pura Teoria do Direito”, grupo de estudos autônomos que se reúne para estudar, compreender e discutir o fenômeno jurídico, a partir da perspectiva de grandes autores da Teoria do Direito, pretendeu, em sua oficina, introduzir os novos estudantes da Faculdade ao mundo da Teoria do Direito - através da apresentação didática de determinadas correntes jusfilosóficas.

Já o "Laboratório de Justiça Global e Educação em Direitos Humanos na Amazônia (LAJUSA)" externou seu intento maior em diagnosticar casos de violações de direitos no estado do Pará. A oficina discutiu as ameaças sofridas pelos Defensores de Direitos Humanos (DDHs), decorrentes do ativismo político que contraria interesses de grupos poderosos, e demonstrou, ainda, a ampliação de suas ações em perspectiva transdisciplinar para a proteção multinível e a formação continuada para educação em Direitos Humanos. O projeto é coordenado pela Profª. Drª. Paula Arruda.

“Direito Penal e Democracia”, oficina originária de projeto capitaneado pela Profª. Drª. Luanna Tomaz, discutiu textos, estudos de caso e atividades internas do grupo. O projeto defende a compreensão e distinção entre os entrelaçamentos de processos complexos e diferenciados que perpassam o aparecimento da violência nas relações sociais em suas mais diversas formas.

Após a série de oficinas, que empolgou boa parte dos participantes do dia, novamente um grupo de veteranos conduziu os calouros que optaram por permanecer direto na Universidade para a programação da tarde ao tradicional almoço no Restaurante Universitário (RU). Em seguida, todos ensaiaram suas paródias para a próxima etapa da Gincana e retornaram para o Instituto de Ciências Jurídicas.
Calouros ensaiando paródia jurídica, atividade da Gincana.
A programação vespertina do quarto dia da Semana do Calouro começou por volta das 15h, em um animado e descontraído bate-papo com o vereador de Belém Igor Normando. O assunto da conversa girou em torno dos protestos que mobilizaram o Brasil em junho de 2013 e da importância do papel da juventude para a consolidação da Democracia.

Dando prosseguimento as atividades da quinta-feira, as equipes da Gincana apresentaram suas paródias jurídicas em uma das tarefas mais divertidas da competição. “Beijinho no ombro, injustiça passa longe! Beijinho no ombro só para os juristas de plantão!” e “Eu vou te condenar, vou te encarcerar” foram refrãos que ecoaram em bom tom pelo Auditório José Vicente Miranda Filho e empolgaram o público presente. Em suas apresentações, os grupos ainda coreografaram suas músicas - arrancando gargalhadas da plateia.

Richard Carvalho, Diretor de Direitos Humanos e Movimentos
Sociais, entre Igor Normando e Flávia Marçal.
Logo após, foi vez dos Direitos Humanos chegarem para abrilhantar a tarde. Às 16h, a Professora Flávia Marçal - Pesquisadora da Sociedade Paraense de Defesa dos Direitos Humanos (SDDH), Docente licenciada da UFOPA e Doutoranda na UFPA - ministrou a palestra "Direito e Movimentos Sociais". De maneira pertinente e acertada, ela salientou as características dos movimentos sociais da atualidade e reforçou a necessidade da participação ativa desses grupos na solução de problemas enraizados historicamente em nossa região.

Alexandre Pimenta, Diretor de Ensino, Pesquisa e Extensão,
presidiu a mesa que recebeu o Profº. Drº. José Claúdio Filho.
Na mesma linha temática, o Profº. Drº. José Cláudio Filho - docente do programa de Pós-Graduação em Direito (PPGD) da UFPA e um dos mais respeitados da Instituição – palestrou sobre a importância dos programas de ação afirmativa nas Universidades brasileiras, citando políticas implementadas na UFPA - como as cotas indígenas. Ele também estabeleceu relações entre capitalismo, liberalismo e essas formas de afirmação, lembrando, porém, que as ações afirmativas devem encontrar seus limites nos Direitos Fundamentais. A justiça, a compatibilidade e a eficácia desses mecanismos foram fatores lembrados pelo professor como meios de correção da exclusão social vivida no País. A conclusão veio com a reafirmação da importância desses programas para maior igualdade entre os cidadãos e o provimento de Garantias Fundamentais. Finalizando a quinta-feira, houve sorteio de livros aos calouros presentes.

Às 9h do quinto dia da Semana do Calouro de Direito 2014 (28/02), a Profª. Msc. Márcia Rêgo – docente da disciplina Direito Civil e coordenadora do Núcleo de Prática Jurídica (ICJ) -, o Prof.º Msc. Maurício Leal Dias – docente das disciplinas Direito Urbanístico e Direito Ambiental, advogado e doutorando do PPGD/UFPA – e a Prof.ª Drª. Eliane Moreira – docente da disciplina Direito Ambiental e Promotora de Justiça – falarão sobre os pilares que orientam o “fazer” da Universidade: o tripé Ensino, Pesquisa e Extensão. Às 11h, outra fase da Gincana agita a manhã do último dia de programações.

Às 14h30min, a temática abordada pela mesa “Os caminhos do Direito” será o vasto campo de atividades que a carreira jurídica proporciona. O Profº. Msc. Wilson Ataíde - docente das disciplinas Direito Constitucional e Teoria Geral do Estado - o Drº. Jarbas Vasconcelos – advogado e presidente regional da Ordem dos Advogados do Brasil (OAB) -, o Defensor Público Vladimir Koenig e a Promotora de Justiça Rosana Cordovil dialogarão sobre as características e especificidades de suas áreas de atuação, compartilhando da realização pessoal que suas carreiras lhes proporcionam. Às 17h, um Coquetel Cultural promove a confraternização e comunhão dos presentes. O último momento da Gincana, com o resultado dos vencedores, encerra o evento às 18h.


Texto: Felipe Mendonça – Diretor de Comunicação e Marketing

Colaboração: Rodrigo Ribeiro - Diretor de Ensino, Pesquisa e Extensão / Gabrielle Avelar / Claudionor Teles

Fotos: Luã Baía e Gabrielle Avelar

26 fevereiro 2014

TUDO SOBRE O TERCEIRO DIA DA SEMANA DO CALOURO DE DIREITO/UFPA 2014; PROGRAMAÇÃO COMPLETA DO QUARTO DIA


Auditório lotado acompanhou a Orientação Acadêmica aos
calouros 2014.
A programação do terceiro dia (26/02) da Semana do Calouro de Direito/UFPA 2014 começou com um dos momentos mais importantes do evento: a Orientação Acadêmica. Após as 9h, os Diretores do Instituto de Ciência Jurídicas (ICJ), Professor Antônio José de Mattos Neto, e da Faculdade de Direito, Professor Francisco Freitas, reuniram-se para orientar os novos alunos da Instituição acerca dos objetivos do curso, dos seus procedimentos acadêmicos, de especificidades técnicas da Universidade, do perfil do aluno egresso e do mercado de trabalho.

Diretor do ICJ, Profº. Antônio
José de Mattos Neto, na Orientação
Acadêmica dos calouros 2014.
Num primeiro momento, foi o Professor Antônio José de Mattos Neto quem recebeu os calouros e deu-lhes as boas-vindas. Em sua exposição, o Diretor do ICJ destacou o padrão de qualidade elevado dos professores da Casa e a excelência do nível acadêmico do curso – eleito pelo Guia do Estudante como um dos 14 melhores cursos de Direito do Brasil e o único paraense a conquistar cinco estrelas. Ele também ressaltou a variedade intelectual do acervo da biblioteca para os cursos de pós-graduação e o comprometimento da Direção em aumentar o conteúdo destinado à graduação.

Diretor da Faculdade de Direito, Profº.
Francisco Freitas, 
na Orientação 
Acadêmica dos calouros 2014.
Já o Professor Francisco Freitas, Diretor da Faculdade de Direito, deu instruções gerais quanto aos procedimentos especiais que o aluno deve tomar para solução de diversos problemas dentro da Faculdade. Em sua apresentação, ele falou, ainda, sobre as aulas teóricas e práticas do curso e acerca do perfil profissional ideal dos alunos da área. Dando sequência, o Professor destacou quais os direitos, deveres e obrigações do discente da UFPA e, ao final, esclareceu dúvidas e respondeu perguntas da plateia.

Como nos dias anteriores, um grupo de veteranos conduziu os calouros que optaram por permanecer direto na Universidade para a programação da tarde ao tradicional almoço no Restaurante Universitário (RU). Em seguida, todos retornaram para o Instituto de Ciências Jurídicas e aguardaram a próxima atividade com brincadeiras e dinâmicas – demonstrando total entrosamento.

Calouros se divertindo com mímica.
Pela tarde, foi a vez do grupo de estudos “Arcádia dos Oradores” convocar sete calouros voluntários para compor o Conselho de Sentença de um Tribunal do Júri Simulado, baseado em um caso real. O objetivo da atividade foi familiarizar os novos graduandos com o ambiente de um Tribunal, explicando o funcionamento de uma sessão desse tipo e levando-os a tomar um posicionamento e exercitar a expressão e o raciocínio.

Alunos compondo a Acusação.
Feitas as considerações iniciais, o ex-Diretor Executivo do CADEL Afonso Furtado, no papel de Juiz, deu vez aos representantes do Ministério Público para a acusação. A aluna Amanda Pimentel explicou que o caso em questão tratava-se de um crime cruel, onde, sem motivos, um grupo – sendo um deles levado ao referido Júri Popular - executou um cidadão com pauladas e um tiro na nuca. O delito foi reconstituído e provas materiais que evidenciavam a crueldade da ação criminosa foram constatadas por laudos. A aluna Camilla Tangerino chamou a atenção para as provas periciais e das testemunhas, além de rebater eventuais teses da Defesa. Os alunos Pedro Garcia e Jessyca Kennedy finalizaram a acusação, defendendo que o homicídio deveria ser considerado duplamente qualificado por motivo fútil.

Alunos compondo a Defesa.
Após breve intervalo, a aluna Anelise de Nazaré abriu a Defesa do réu, levantando a possibilidade das testemunhas criarem falsas memórias. Ela também afirmou que duas pessoas com grande importância no ocorrido não testemunharam e nem foram investigadas. Já a aluna Brenda Almeida reforçou a incongruência acerca da existência de outros suspeitos não investigados e o aluno Vitor Araújo, por sua vez, completou os argumentos defensivos ao apontar que as informações dadas pelas duas testemunhas oculares eram duvidosas - existindo inclusive a hipótese delas nem estarem diante do ocorrido. Também foram defendidas diversas impossibilidades de manter a certeza quanto a culpabilidade do réu, usando uma fita métrica estendida por 30 metros. A aluna Flavia Lopes finalizou a tese defensiva, ressaltando que o Conselho de Sentença fizesse séria reflexão para que não condenasse um possível inocente.

Depois de réplica e tréplica, ficou decidido pela inocência do réu. O juiz encerrou a sessão e esclareceu para o público o veredicto absolvitório - pondo fim ao terceiro dia de programações da Semana.
Equipe do Tribunal do Júri simulado.
As atividades da manhã de quinta-feira (27/02), por sua vez, começam no Pavilhão de aulas do nosso curso (Bloco J do Setor Profissional), com as Oficinas dos projetos de extensão. É esse o momento dos calouros conhecerem a relação entre a Universidade e outros setores da Sociedade, aprendendo sobre projetos que atuam como implementadores de desenvolvimento regional e programas voltados para os interesses e necessidades da maioria da população.

Dentre as 7 (sete) oficinas, divididas em 2 (dois) turnos – de 8h às 10h e de 10h às 12h - , os calouros já escolheram por meio de formulário virtual 3 (três) oficinas para cada horário. A distribuição será feita de acordo com a preferência dos participantes e com o horário de suas inscrições. Abaixo, a lista completa de oficinas da Semana do Calouro de Direito UFPA 2014:


(Clique na imagem para ampliá-la)

Pela tarde, os Direitos Humanos chegam para dar o tom do quarto dia da Semana: às 14h, a palestra apresentada será “Direito e Movimentos Sociais", com Byany Sanches - coordenadora de Promoção de Igualdade Racial da Secretaria de Estado de Justiça e de Direitos Humanos (SEJUDH) – e Flávia Marçal, pesquisadora da Sociedade Paraense de Defesa dos Direitos Humanos (SDDH), Professora licenciada da UFOPA e Doutoranda na UFPA; Às 16h, uma nova etapa da Gincana animará a tarde dos calouros; Às 16h30min, é a vez do Prof.º Dr.º José Claúdio de Brito, professor do programa de Pós-Graduação em Direito (PPGD) da UFPA e um dos mais respeitados da Instituição, encerrar o dia tratando sobre “Ações afirmativas no campo no Direito”.


Texto: Felipe Mendonça – Diretor de Comunicação e Marketing

Colaboração: Rodrigo Ribeiro - Diretor de Ensino, Pesquisa e Extensão / Claudionor Teles

Fotos: Rodrigo Ribeiro e Gabrielle Avelar

25 fevereiro 2014

TUDO SOBRE O SEGUNDO DIA DA SEMANA DO CALOURO DE DIREITO/UFPA 2014; PROGRAMAÇÃO COMPLETA DO TERCEIRO DIA


Auditório Benedito Nunes recebeu calouros de todas
as graduações para a manhã do segundo dia da Semana
do Calouro 2014.
Com a palestra intitulada “Políticas de Assistência Estudantil”, a Pró-Reitoria de Extensão (Proex) da UFPA deu início hoje (25/02) ao segundo dia de atividades da Semana do Calouro 2014, por volta das 9h, no Auditório Benedito Nunes (conhecido como “Hangarzinho”) - onde um grupo de calouros e veteranos de Direito marcou presença representando nossa Faculdade. A exposição foi, em maior parte, sobre os tipos de auxílio e apoio para estudantes que estejam em situação de vulnerabilidade socioeconômica, com instruções de como participar desses programas. Foram abordados tanto os auxílios fornecidos por bolsas, como assistência e serviços de saúde.

Em seguida, foi vez do diretor de graduação da Pró-Reitoria de Pesquisa e Pós-Graduação (Propesp), Antonio Vallinoto, falar sobre “Programas de Iniciação Científica, Jovens Talentos e Ciência sem fronteiras”. Nesse momento, foi explicado aos calouros de todas as graduações da Universidade o que são projetos de pesquisa, como ingressar neles, quais os tipos de bolsas ofertadas e quais os requisitos e compromissos desses bolsistas. O professor ressaltou, ainda, aspectos gerais dos programas Jovens Talentos e Ciência sem fronteiras - esse último que, infelizmente, não disponibiliza vagas para o curso de Direito.

Professora Lindalva Moraes falando sobre
"Oportunidades de Intercâmbio na UFPA".
Dando continuidade ao evento, Lindalva Moraes, assessora da Pró-Reitoria de Relações Internacionais (Prointer), fez uma abordagem sobre os vários programas de mobilidade nacional e internacional existentes na UFPA, dessa vez para todos os cursos da Universidade. Por volta das 10h30min, ela destacou, quais os passos que os acadêmicos devem seguir para ter mais chances de participar de estudos fora do Brasil, finalizando, assim, a palestra “Oportunidades de Intercâmbio na UFPA”.

Perto de 11h, a Biblioteca Central da universidade orientou quanto ao uso de seu Portal, na pessoa da servidora Maria de Loudes. Ela frisou que o Sistema de Bibliotecas (SIBI) da Universidade é formado por  28 unidades distribuídas na capital e 8 interior, possuindo mais de 900 mil itens - periódicos, obras raras, dissertações, teses, CDs, DVSs, material em braile, entre outros. "Do início ao fim da vida acadêmica, para participar dos projetos e programas da Universidade, todos precisarão passar pelo Biblioteca" orientou, ainda, sobre cadastro, buscas e treinamento.

Finalizando a programação geral organizada pela Proex e Proeg, a Professora Marianne Eliasquevici, integrante da equipe do Projeto Newton, palestrou sobre o funcionamento do projeto, indicando quem pode participar e de que forma. A exibição de dois vídeos - um com depoimentos dos estudantes sobre suas experiências com o programa e outro apresentando a preparação para o seu segundo ano de atividades - encerrou a manhã de terça-feira.

Como no dia anterior, os calouros que optaram por permanecer direto na Universidade para a programação da tarde puderam contar o auxílio de um grupo de veteranos. Todos almoçaram no Restaurante Universitário (RU) e, em seguida, reuniram-se em um sala de aula. Lá, alunos mais antigos esclareceram dúvidas e deram orientações aos novos colegas sobre as oficinas dos projetos de extensão da Faculdade, programadas para serem executadas na quinta-feira (27/02).


Parte dos Diretores do CADEL.
As ações da tarde começaram perto das 15h, no Auditório José Vicente Miranda Filho, no ICJ. Nesse momento, diretores do Centro Acadêmico de Direito “Édson Luís” – CADEL apresentaram seus principais projetos, objetivos, metas e vivências pessoais de suas experiências tanto enquanto calouros no passado como em relação ao cotidiano da agremiação estudantil. Na exposição “Conheça o CADEL”, cada diretoria foi detalhadamente apresentada pelos seus responsáveis, que também responderam perguntas da plateia.

Márvyn Kevin presidiu a mesa que recebeu a
Profª. Drª. Ana Claúdia Pinho.
Perto das 16h, quem assumiu o posto de palestrante foi a Profª. Drª. Ana Cláudia Pinho, docente da disciplina Direito Penal e Promotora de Justiça. Na palestra definida como “O Ensino Jurídico, desafios e suas perspectivas”, ela empolgou o público com críticas construtivas à estrutura penal brasileira. A professora também compartilhou exemplos de histórias vitoriosas de ex-alunos e abordou questões importantes sobre o processo de ensino-aprendizagem na graduação. “O mais importante na nossa área não é apenas se preparar para provas e concursos, mas, sim, manter um padrão de qualidade elevado, com um nível de formação o mais plural possível”, ponderou.


Daniel Fampa presidiu a mesa que recebeu palestra do
Profº. Drº. Antonio Maués.
“A influência das cortes brasileiras na sociedade atual” foi a temática abordada na palestra seguinte, ministrada pelo Profº. Drº. Antônio Maués - docente da disciplina Direito Constitucional. Na exposição, foram feitas importantes considerações sobre a história das Constituições no Brasil e sua relação com a aplicabilidade dos direitos fundamentais. Jurisprudências polêmicas de nossos Tribunais Superiores também foram expostas e pormenorizadamente analisadas pelo professor.

Kit-Calouro feito com materiais
fornecidos pelos patrocinadores
do evento.
Ao final do segundo dia da Semana do Calouro de Direito/UFPA 2014, os novos alunos da Faculdade receberam um Kit com bloco de notas, squeeze de água, caneta, lápis, régua, bolsa e sacola - materiais fornecidos pela Aliança Francesa e pela Proex, nossos parceiros patrocinadores. O dia teve fim no chamado “Vêr-o-pêsinho”, onde um grupo se reuniu para nova rodada de conversas e bate-papo.

Amanhã (26/02), a programação do projeto será integralmente realizada no Auditório José Vicente Miranda Filho, no ICJ. Às 9h, o dia se inicia com a Orientação Acadêmico, um momento de apresentação do curso, dos seus objetivos e procedimentos acadêmicos, do perfil do aluno egresso e do mercado de trabalho. Horário das atividades curriculares, eixos de formação, matrícula, mobilidade, avaliação, calendário acadêmico e o Projeto Político Pedagógico de nossa Faculdade serão assuntos amplamente tratados. A oportunidade – que contará com a presença do Diretor da Faculdade de Direito, Francisco Freitas - também é propícia para que os calouros possam tirar dúvidas quanto a questões internas da Universidade e, ainda, sobre as possibilidades de profissão do mundo forense.

Às 14h30min, um Júri Simulado será apresentado pelo grupo de estudos “Arcádia dos Oradores”, movimentando a tarde da quarta-feira com a discussão de um caso real de homicídio. Sete calouros serão voluntariamente convidados para compor o Conselho de Sentença, que vai decidir pela inocência ou condenação dos acusados. O objetivo da atividade é familiarizar o novo graduando com o ambiente de um Tribunal, explicando o funcionamento de uma sessão de Júri e levando-os a tomar um posicionamento e a exercitar a expressão e o raciocínio.

Sobre o segundo dia da Semana do Calouro de Direito/UFPA 2014, o calouro Claudinor Teles, do turno vespertino, assegurou estar muito feliz e empolgado com o que viu e ouviu: “As palestras de hoje foram muito boas e extremamente pertinentes para nós, calouros”. “Além de introduzir metodologias de reflexão com as quais não estávamos acostumados, tivemos a chance de aprender sobre muitas coisas novas e importantes para nossa formação futura”, finalizou.


Texto: Felipe Mendonça – Diretor de Comunicação e Marketing

Fotos: Felipe Mendonça e Portal UFPA.

SEMANA DO CALOURO DE DIREITO UFPA 2014 - INSCRIÇÕES NAS OFICINAS


A mostra de oficinas dos projetos da Faculdade de Direito da UFPA é o momento em que muitos calouros terão o primeiro contato com muitos temas jurídicos relevantes. Seu objetivo maior é levar aos participantes noções sobre as temáticas que abordam, além do desenvolvimento de diversas atividades relacionadas ao assunto. Todos os anos, o Centro Acadêmico de Direito "Édson Luís" - CADEL oferece ao novo ingressante do curso de Direito uma grande gama de oficinas demonstrativas de grupos de estudo, de pesquisa e de extensão da nossa graduação. As oficinas são, então, uma oportunidade para que o calouro, além de conhecer, futuramente ingresse no projeto ou grupo de estudos de seu interesse.

Neste ano, localizadas no bloco de aulas de Direito (Bloco J), teremos 7 (sete) oficinas, divididas em dois turnos. Os calouros deverão escolher 3 (três) oficinas por turno, em ordem de preferência. As oficinas serão preenchidas de acordo com a preferência dos participantes e com o horário da inscrição. A manhã do dia 27/02, desde 8h até 12h será composta com dois turnos de oficinas: de 8h às 10h e 10h às 12h. Uma oportunidade importante para que o calouro escolha até duas oficinas preenchendo a manhã inteira!


Abaixo, a lista de oficinas da Semana do Calouro de Direito UFPA 2014 e o link para preenchimento do formulário de inscrição.

(Clique na imagem para ampliá-la)

Para acessar o formulário de inscrição na mostra de oficinas, clique AQUI.

Centro Acadêmico de Direito "Édson Luís" - CADEL

24 fevereiro 2014

TUDO SOBRE A ABERTURA DA SEMANA DO CALOURO DE DIREITO/UFPA 2014; PROGRAMAÇÃO COMPLETA DO SEGUNDO DIA


Nessa segunda-feira, 24 de fevereiro, o Centro Acadêmico de Direito “Édson Luís” deu início a Semana do Calouro 2014 com o tema: “A vida acadêmica como instrumento de inserção social do estudante de Direito”. O dia começou às 8h, no hall do Instituto de Ciências Jurídicas (ICJ), com o credenciamento dos pré-inscritos e a inscrição de quem ainda não havia confirmado seu interesse em participar do evento. Diretores, colaborares e voluntários do CADEL receberam os novos colegas, deram-lhes todas as instruções necessárias para o evento e esclareceram eventuais dúvidas e perguntas.

Daniel Fampa abrindo ofici-
almente a Semana do Calouro
de Direito/UFPA 2014.
Por volta de 8h30min, o Diretor Executivo do nosso Centro Acadêmico, Daniel Fampa, abriu oficialmente o acontecimento que promete mobilizar a comunidade estudantil do nosso curso na última semana do mês fevereiro. Na ocasião, Daniel enfatizou a importância do momento e ressaltou que seu objetivo maior é apresentar aos calouros noções importantes sobre o mundo jurídico e integrá-los - entre si, com o CADEL e com outros atores sociais da UFPA. “Diferentemente da programação da Semana do Calouro de outros cursos, a nossa busca refletir não apenas o lado científico e acadêmico da graduação, mas, também, muitas atividades de integração”, explicou ele.

Perto de 9h, foi vez do Procurador do Estado Gustavo Monteiro falar sobre o exame de admissão à Ordem dos Advogados do Brasil (OAB) e dar dicas e orientações sobre o funcionamento dos concursos jurídicos. Ele também compartilhou a experiência pessoal de ter sido aprovado aos 19 anos no concorrido certame público da Procuradoria Geral do Estado (PGE) – fato que o notabilizou como um dos mais jovens Procuradores do Brasil.

Anelise e Rodrigo explicando
sobre as tarefas da Gincana.
Logo após, o Diretor de Ensino, Pesquisa e Extensão do CADEL Rodrigo Ribeiro deu início a uma Gincana que dividiu os participantes da manhã em quatro grupos - inicialmente encarregados pelo cumprimento de duas tarefas: arrecadar a maior quantia financeira e o maior número de material didático possível. Organizadores e voluntários da Semana do Calouro dividiram-se na liderança das equipes, para orientá-las e estimulá-las ao longo das provas. O objetivo maior da competição será integrar os membros de cada time, estimulando o trabalho coletivo e pondo à prova as habilidades físicas e mentais dos envolvidos - relacionadas de maneira recreativa ao mundo jurídico.

Equipe 1 (esquerda) e Equipe 2 (direita).
Equipe 3 (esquerda) e Equipe 4 (direita).

Lucas Carvalho presidiu a mesa "Universidade e Internaciona-
cionalização: O primeiro passo para oportunidades de intercâmbio",
com Laura Diva e Evandro Alencar.
Às 10h30min, com a palestra “Universidade e Internacionalização: O primeiro passo para oportunidades de intercâmbio”, o público presente pôde ouvir de Laura Diva, representante da Pró-reitoria de Relações Internacionais (PROINTER) da UFPA, quais as redes de intercâmbio acadêmico específicas da nossa graduação, como ter acesso a elas e o quanto esses mecanismos são importantes para a formação pessoal e intelectual de um acadêmico. Ela dividiu a mesa com o discente Evandro Alencar, que relatou o quão engrandecedora foi sua experiência de mobilidade internacional na Universidade de Coimbra, em Portugal.
Calouros e veteranos reuniram-se na sala JP09, no Bloco de aulas,
para apresentação e conversa.

Logo após, quem optou por permanecer direto na Universidade para a programação da tarde pôde contar o auxílio de um grupo de veteranos. Todos almoçaram no Restaurante Universitário (RU) e, em seguida, reuniram-se na sala JP09, no bloco de aulas de Direito. Num momento de dinâmica e descontração, os calouros presentes se apresentaram e explicaram os motivos que os levaram à escolha do curso de Direito - recebendo apoio e motivação dos colegas mais antigos.


Calouros de todos os cursos lotaram o Ginásio de Esportes da
UFPA na tarde do primeiro dia do evento.
Pela tarde, a programação se estendeu pelo Ginásio de Esportes da UFPA. Às 16h30min, calouros de todas as graduações do campus reuniram-se para ouvir sobre “Direitos Humanos e Tecnologia” e receber as boas-vindas do reitor da Universidade e dos pró-reitores. Em seguida, os 10 primeiros colocados no Processo Seletivo 2014 foram premiados, como acontece todos os anos na Instituição. Para os representantes da nossa Faculdade, esse foi um instante de empolgação e animação. Tivemos, inclusive, um calouro vencedor no concurso de dança em dupla: Gabriel Kirley. O dia foi finalizado com vasta programação cultural, com destaque para a banda Fruta Quente, que começou dua apresentação por volta de 18h30min.
Calouros e veteranos representando a Faculdade de Direito na recepção feita
pelo reitor e pelos pró-reitores, no Ginásio de Esportes da UFPA.
Programação da terça-feira (25/02) começa no Auditório do
Centro de Eventos Benedito Nunes (Hangarzinho).
A movimentação da terça-feira (25/02) se iniciará no Centro de Eventos Benedito Nunes, com a palestra “Políticas de Assistência Estudantil”, da Pró-Reitoria de Extensão (Proex), às 8h30min. Às 9h, os programas de Iniciação Científica, Jovens Talentos e Ciência sem Fronteiras serão os temas abordados pela Pró-Reitoria de Pesquisa e Pós-Graduação (Propesp). Às 9h30, a palestra da Pró-Reitoria de Relações Internacionais (Prointer) será novamente sobre oportunidades de intercâmbio, dessa vez para todos os cursos da UFPA. Às 10h, a Biblioteca Central da universidade orientará quanto ao uso do Portal da Biblioteca.

As ações da tarde do segundo dia da semana começam às 14h, de volta ao Auditório José Vicente Miranda Filho, no ICJ, com a exposição “Conheça o CADEL”. Nesse momento, os novos alunos terão a oportunidade de conhecer o trabalho da nossa agremiação estudantil, seus projetos, objetivos e todos os seus membros e suas respectivas diretorias.

Às 15h, é a vez da Profª. Drª. Ana Cláudia Pinho palestrar sobre “O ensino Jurídico, desafios e suas perspectivas”. Já às 16h30min, quem assume o microfone para falar sobre “A influência das cortes brasileiras na sociedade atual” é o Profº. Drº. Antônio Maués. Por fim, outra etapa da Gincana encerra o dia ás 18h.

Segundo a organização da Semana do Calouro de Direito/UFPA 2014, a tarde da terça-feira (25/02) será um dos momentos mais especiais dos cinco dias de atividades - especialmente pelo fato de Ana Claúdia Pinho e Antonio Maués serem dois nomes extremamente respeitados e admirados em suas respectivas áreas de conhecimento.

Ela é formada em Direito pela Universidade da Amazônia (UNAMA) e tem Mestrado e Doutorado com especialidade em Direito Penal, pela Universidade Federal do Pará (UFPA) – instituição da qual é professora da disciplina, tanto na graduação como na pós-graduação. Também é Promotora de Justiça do Estado do Pará.

Ele possui graduação em Direito pela Universidade Federal do Pará (UFPA), mestrado pela Pontifícia Universidade Católica do Rio de Janeiro (PUC – Rio) e doutorado pela Universidade de São Paulo (USP), ambos com especialidade em Direito Constitucional – disciplina da qual é professor na UFPA, na graduação e na pós-graduação. Atualmente, também é membro de corpo editorial da Revista Direito GV, da Revista de Direito Sanitário, da Revista Direitos fundamentais & justiça e da Novos Estudos Jurídicos (UNIVALI).

João Vittor Homci, calouro do turno matutino, resumiu o sentimento de todos os participantes no primeiro dia de atividades: "Foi de grande importância a apresentação que o CADEL nos deu dessa grande família que forma o curso de Direito da UFPA". "Nós, como calouros, nos sentimos muito acolhidos e encaminhados de um jeito que seria impossível sem essa maravilhosa recepção", finalizou.


Texto: Felipe Mendonça – Diretor de Comunicação e Marketing

Fotos: Felipe Mendonça e Gabrielle Avelar

23 fevereiro 2014

PROGRAMAÇÃO COMPLETA DO PRIMEIRO DIA DA SEMANA DO CALOURO DE DIREITO/UFPA 2014


Manhã do primeiro dia da Semana do Calouro de
Direito/UFPA 2014 será no Instituto de
 Ciências Jurídicas (ICJ).
A partir de amanhã, 24 de fevereiro, o Centro Acadêmico de Direito – CADEL, da UFPA, recepcionará os novos calouros do curso com uma vasta e rica programação que se estenderá até o próximo dia 28. Serão cinco dias de palestras ministradas por grandes nomes do cenário jurídico paraense; debates sobre temas atuais do Direito; júri simulado apresentado pelos alunos da Faculdade; diversas oficinas dos projetos de extensão da graduação; orientação acadêmica e várias atrações e atividades culturais.

O credenciamento de todos os pré-inscritos na Semana do Calouro de Direito/UFPA 2014 inicia oficialmente as atividades do evento às 7h45min da segunda-feira, no Auditório José Vicente Miranda Filho, andar térreo do Instituto de Ciências Jurídicas (ICJ). Aqueles que já preencheram formulário virtual confirmarão o vínculo previamente estabelecido e os demais interessados poderão se inscrever no momento inicial. Os calouros receberão o “Kit-Calouro” e um informativo com a programação completa da Semana. O evento é aberto ao público externo à UFPA pela taxa individual de R$ 20,00. Quem obtiver mais de 75% de frequência ao longo dos cinco dias, receberá certificado de participação de 40 (quarenta) horas de atividades complementares. Aos que não atingirem esse porcentual, serão ofertados certificados com horas parciais.

Ao longo da programação, os calouros poderão, também, solicitar a carteirinha do CADEL e aqueles que já a solicitaram no momento da Habilitação, dia 21 de janeiro, irão recebê-la. Mais conhecida como meia-entrada cultural, a carteira proporciona aos estudantes de Direito entrada pela metade do preço em eventos culturais e esportivos (cinema, teatro, museu e outros). Karime Moraes, Diretora de Assuntos Estudantis do CADEL, ressalta que esse “é um direito do universitário definido por lei”. “Queremos, dessa forma, contribuir com o desenvolvimento de cidadãos conhecedores do mundo e formadores de opinião”, pontua Karime.

Com a palestra intitulada “Concurso Jurídico e Exame da Ordem”, a cargo de Gustavo Monteiro, Procurador do Estado do Pará, o evento abre sua rodada de palestras, às 8h30min. Aos 19 anos, ele ficou em 7º lugar entre os dez aprovados no 18º concurso público da Procuradoria Geral do Estado (PGE), realizado em 2011, tornando-se, assim, um dos mais jovens Procuradores do Brasil. Além de compartilhar sua vitoriosa experiência, Gustavo explicará sobre o exame de admissão à Ordem dos Advogados do Brasil (OAB) e dará dicas e orientações sobre o funcionamento dos concursos jurídicos.

Às 10h, o CADEL dará início a uma divertida Gincana que dividirá os calouros em equipes, encarregadas com diversas tarefas a serem cumpridas ao longo da semana. O objetivo maior da competição será integrar os membros de cada grupo, estimulando o trabalho coletivo e pondo à prova as habilidades físicas e mentais dos envolvidos - relacionadas de maneira recreativa ao mundo jurídico.

Logo após, às 10h30min, os presentes terão a chance de conhecer as redes de intercâmbio acadêmico específicas do curso de Direito/UFPA e descobrir como ter acesso a todas elas. Será hora da exposição “Universidade e Internacionalização: O primeiro passo para oportunidades de intercâmbio”. Na oportunidade, todos conhecerão o Fórmula Santander, programa que oferta uma bolsa no valor de R$ 12.458,50 para que os alunos façam seis meses de intercâmbio em universidades europeias. Os escalados para falar sobre o assunto serão: Laura Diva, representante da Pró-Reitoria de Relações Internacionais da UFPA – PROINTER; Laura Figueiredo, membro da AISEC - ONG gerida exclusivamente por jovens universitários e recém-formados; Evandro Alencar, aluno da nossa graduação que volta de experiência internacional na Universidade de Coimbra, em Portugal, e relata a oportunidade de engrandecimento pessoal e acadêmico.
Ginásio de Esportes da UFPA recebe programação especial
da Universidade para a tarde do primeiro dia da Semana do
Calouro 2014.

Pela parte da tarde, a programação ocorrerá no Ginásio de Esportes da UFPA, às 16h. Na Aula Magna – que reúne representantes de todas as graduações do campus - o reitor da Universidade, Carlos Maneschy, e os pró-reitores darão as boas- vindas aos recém-chegados e falarão sobre o tema “Direitos Humanos e Tecnologia”, às 16h30min. Em seguida, às 17h30, será feita a premiação dos 10 primeiros colocados no vestibular, como é tradição na Universidade. O dia vai se encerrar com vasta programação cultural, que começa às 18h15min.

A Semana do Calouro é um momento de grande relevância e repercussão na UFPA, pois é considerada uma espécie de introdução ao curso para os novos estudantes. Possibilitando as primeiras impressões sobre temas que serão abordados em sala de aula e a interação com os veterenos da Faculdade, o acontecimento também irá oferecer aos calouros as orientações necessárias para os próximos anos - objetivando incitá-los a participar ativamente do cotidiano da Universidade e a viver o ambiente acadêmico em sua totalidade.

Caloura da manhã, Bianca Siqueira, admite estar bastante ansiosa em relação ao momento especial e afirma crer que esse "será um momento de grande interação entre todos, marcando o início de uma nova jornada". Já o calouro Felipe Costa, também do turno matutino, garante estar muito feliz com a Semana do Calouro e afirma que esse será seu primeiro passo na vida universitária. Empolgado, garante: "Esse será o começo de uma nova vida e mal posso esperar para isso". Outro calouro muito entusiasmado com o início do evento é Lucas Neves, calouro do turno vespertino. Para ele, essa será uma ótima oportunidade de conhecer melhor a UFPA e o curso de Direito. "Espero conhecer meus futuros colegas de turma, para já estar familiarizado com eles quando começarem as aulas", disse Lucas.

Sobre o tema, Gabriela Neves, Diretora Administrativa e Financeira do CADEL, explica: "Nossa intenção é que os calouros de 2014 sejam muito bem recebidos e comecem a se sentir como parte integrante da UFPA e do campus como um todo. Queremos que eles inciem o contato com temáticas importantes que serão tratadas ao longo da graduação, que sintam vontade de conhecer mais profundamente o universo acadêmico e, sobretudo, que tenham  o primeiro contato frutífero com o curso de Direito", finaliza.


Texto: Felipe Mendonça – Diretor de Comunicação e Marketing