07 novembro 2014

MOSTRA SOBRE ALBERT CAMUS - ALIANÇA FRANCESA BELÉM

A Aliança Francesa de Belém, parceira do Centro Acadêmico de Direito Édson Luis (CADEL), promove a mostra sobre Albert Camus, a ser realizada na sede da Aliança Francesa de Belém e, posteriormente, na Universidade Federal do Pará (UFPA):
"Digital, diferente e interativa – Esta é a exposição "Albert Camus 1913-2013". Com o objetivo de celebrar o centenário do escritor francês, ganhador do prêmio Nobel de Literatura, a mostra cujo lançamento aconteceu na École Normale Superieure na Rue d'Ulm, em Paris, chega neste mês de novembro em Belém. Com entrada franca, a exposição acontece de 07 de novembro a 19 de dezembro na Aliança Francesa de Belém. Além disso, a mostra também está presente na Universidade Federal do Pará, onde o lançamento acontece no centro de eventos Benedito Nunes, no dia 11 de novembro, e fica exposta, a partir do dia 12 deste mês, no Instituto de Letras e Comunicação da UFPA.
O diferencial fica por conta dos tablets e smartphones, que auxiliam na interatividade do visitante e no acesso às imagens, documentos e trechos de diversas obras do autor. Dentre o acervo da mostra, está o jornal Combat, o qual Camus era editor em 1941, além de áudios nos quais o escritor lê as primeiras páginas do livro “O estrangeiro” ou seu famoso discurso em Estocolmo durante o Prêmio Nobel de Literatura.
Para ter acesso aos textos críticos, documentos e vídeos, os  visitantes devem baixar o aplicativo Albert Camus, idealizado pelo Institut Français, disponível gratuitamente para Android e iOS e traduzido para vários idiomas. O app mostra um mapa dos locais onde a mostra acontece no mundo e também possibilita publicar uma foto-recordação na exposição Camus. Além disso, os usuários ainda podem compartilhar citações do autor nas redes sociais ou por email. 
O projeto, promovido na cidade pela Aliança Francesa de Belém em parceria com a UFPA, foi realizado em colaboração com as edições Gallimard e a École Normale Supérieure, que atuou na elaboração do conteúdo e orientação científica. É produzido com o apoio do Instituto Nacional do Audiovisual (INA), a Agência para o Ensino Francês no Exterior (EFMA) e Estúdio Multimídia projeto Cellules.
Institut Français lança este novo conceito de exposição digital, cuja primeira versão é dedicada a Albert Camus, romancista, ensaísta e jornalista francês nascido na Argélia. Graduado em filosofia na Universidade de Argel, conseguiu penetrar no círculo de intelectuais franceses nas décadas de 1940 e 1950. Camus tem mais de 25 livros publicados, entre eles “O estrangeiro” (1942)“A queda” (1956), “O mito de Sísifo” (1941), “O homem revoltado” (1951) e a peça teatral “Calígula” (1944). Além disso, foi um símbolo de uma visão da política de esquerda alternativa, anti-bélica e crítica das ações norte-americanas da época. Até os dias de hoje, o autor é constantemente revisitado para compreensão de aspectos contemporâneos.
Como funciona a exposição?
Ao instalar o aplicativo Albert Camus, o visitante tem acesso a um pequeno tutorial de como scannear o QR Code na tela, para, então, explorar a exposição. Os tablets smartphones devem estar com o centro do visor direcionado para os códigos. Em alguns segundos, o texto, imagem, vídeo ou arquivo de som são reproduzidos no seu próprio tablet ou smartphone*".

SERVIÇO:
Exposição "Albert Camus 1913-2013"
Local: Sede da Aliança Francesa de Belém – Rui Barbosa, 1851
Período: 07 de novembro a 19 de dezembro

Hora: Segunda a sexta - 8h às 21h/ Sábado - 8h às 18h

Entrada franca

Local: Universidade Federal do Pará – UFPA


Período: 11 de novembro - Lançamento no Centro de eventos Benedito Nunes
A partir de 12 de novembro - Instituto de Letras e Comunicação da UFPA
Hora: 8h às 19h

Entrada franca


Fonte: Contato: Ascom - Aliança Francesa de Belém – 3224-3998/ Ana Matos - Assessora de comunicação - 9896-8989
Ciro Brito - Diretor de Comunicação e Marketing

0 pareceres:

Postar um comentário