27 setembro 2019

Não ao Future-se

Na última segunda-feira, dia 23 de setembro, o Conselho Universitário (Consun) da Universidade Federal do Pará rejeitou, por unanimidade, o programa “Future-se” do Ministério da Educação (MEC). 

Antes da reunião ordinária, diversas Unidades Acadêmicas da UFPA promoveram debates acerca do projeto. 

Para o diretor do Instituto de Ciências Jurídicas (ICJ), consultor titular do CONSAD, professor José Benatti, “o ‘Future-se’ representa a privatização do bem comum, que é a educação”. 

O conselheiro docente do CONSEPE, Luiz Alberto Rocha votou em conjunto com o posicionamento final, contra o Future-se.

Consoante a esse posicionamento, o Centro Acadêmico de Direito Edson Luís (Cadel) reitera a relevância do posicionamento contrário ao projeto do MEC, frente ao iminente perigo de privatização do ensino público.

0 pareceres:

Postar um comentário